Ocorrência de fosfato de terras raras na Formação Resende, Paleógeno do Rift Continental do Sudeste do Brasil

  • Lucy Gomes Sant'anna Universidade de São Paulo; Instituto de Geociências
  • Claudio Riccomini Universidade de São Paulo; Instituto de Geociências
  • José Vicente Valarelli Universidade de São Paulo; Instituto de Geociências
Palavras-chave: Fosfato, Elementos terras raras, Rabdofânio, Bacia de Resende, Brasil.

Resumo

A partir de estudos petrográficos e análises por MEV/EDS e DRX foi identificado fosfato de cálcio e terras raras (La, Nd) em depósito de lamito argilo-arenoso da Formação Resende, situado na borda norte da bacia homônima. Tendo em vista suas características morfológicas (hábito prismático hexagonal) e composição química, este m,ineral foi atribuído ao grupo do rabdofânio. Este fosfato é autigênico e sua origem é relacionada à dissolução de apatita detrítica, provavelmente a partir de soluções hidrotermais alcalinas, as quais teriam ainda fornecido parte dos elementos necessários a sua cristalização.
Publicado
01-12-1999
Seção
não definida